Skip to content

Mês: dezembro 2015

CUIDADOS COM AS SUCULENTAS

Já reparei que as fotos mais curtidas e comentadas na nossa página no Facebook são das suculentas. Mas também é impossível não se apaixonar por elas. Fofinhas e com lindas formas e cores, elas são as queridinhas do mundo das plantas.

Originárias em sua maioria de ambientes desérticos, onde predomina o clima árido e as altas temperaturas, elas desenvolveram características especiais para que pudessem se adaptar. Algumas têm uma espécie de “pêlo” nas folhas, outras uma camada de cera, ambas as coberturas previnem a perda de água armazenada nas seguintes estruturas: folhas, caules, ou ainda nos troncos e raízes.

A capacidade de armazenar água e a grande resistência faz com que elas exijam pouquíssima manutenção. Geralmente basta um substrato bem drenado, no mínimo 4 horas diárias de sol e um bom regime de regas.

0,,43978932,00

155086F951E74A26A4C8381CCDF5830F

340096_251902091555518_100002071886661_593248_2138089362_o

7428871356_dd9cfdebe6_z

am_626723_6674137_636542

am_626723_6674168_47155

As suculentas podem ser plantadas tanto em vasos de plástico como nos de cerâmica, mas tenha sempre em mente que o plástico vai exigir um número menor de regas, pois ele não absorve a água como o de cerâmica, e consequentemente, permanece mais tempo molhado.

As regas devem ser cuidadosas, uma vez por semana no verão, de maneira abundante, e uma vez a cada quinze dias no inverno. Não use pulverizadores para não formar um ambiente úmido em torno das plantas. E uma sugestão…se perceber que suas plantas estão murchando, aumente gradativamente a quantidade de água, caso as folhas da base começarem a apodrecer, diminua.

imagem-16

suculenta-inbox

suculentas 11 KC Love

Não adube excessivamente seus vasos. O excesso de nitrogênio faz com que as plantas cresçam exageradamente e fiquem muito suculentas. A planta fica estiolada (comprida e magrinha) e com as portas abertas para o aparecimento de doenças.

Deixe seus vasinhos ao sol, a maioria das suculentas gosta dele. As plantas que não tomam a quantidade necessária de luz ficam estioladas, tem sua aparência descaracterizada, a cor fica pálida e elas começam a apodrecer na base. Sempre observe o desenvolvimento e pesquise sobre as necessidades da sua planta, só assim ela vai ficará sadia e poderá oferecer toda sua beleza.

suculentas country

suculentas-montagem-6

suculentas-montagem-7

Texto e informações retiradas do site Jardineiro.net (http://www.jardineiro.net/cuidados-com-suculentas.html)

CASA MAIS FRESQUINHA

Em um grande quintal ou em um espaço pequeno, as plantas têm a capacidade de refrescar o ambiente e deixá-lo mais agradável. Com a chegada da primavera e do verão, as pessoas têm tendência a passar mais tempo fora de casa, nomeadamente no seu jardim (de casas  ou apartamentos), uma vez que este tende a ser um dos locais mais frescos e aprazíveis da casa.

Nessa época de calor intenso, as pessoas buscam alternativas para tornar a casa mais fresca e agradável. Uma boa ideia para conseguir este resultado é o uso das plantas na hora de decorar, levando o paisagismo para dentro de casa e com isso amenizando a incômoda sensação de calor.

0,,20496678,00

1316183765_252214484_1-Fotos-de--Casa-com-2-suites-cozinha-varanda-sala-de-estar-lavabo-jardins-piscina-ao-lado-da-r

cadeira-na-varanda

As plantas ajudam a refrescar a casa porque contribuem com a circulação do ar dentro de casa e reduz o aquecimento dos ambientes. Determinadas espécies realizam a evapotranspiração e com isso conseguem aumentar a umidade do ar. Desta forma o lar se torna mais fresquinho e conta com a redução da temperatura. Ao adotar o paisagismo é importante ter cuidado para não escolher as espécies erradas e se preocupar sempre com as condições de sobrevivência das plantas.

A terra molhada auxilia na umidificação do ar. O uso do paisagismo é muito importante quando queremos utilizar o artifício da sombra em áreas específicas, em locais onde a luz solar pode invadir o ambiente e ocasionar o aumento de temperatura. Um jardim com plantas e gramado ajuda no conforto ambiental do imóvel, pois utilizam um piso permeável, onde ocorre a troca de calor e propicia uma melhora na umidade relativa do ar.

varanda_c_painel_madeira2new

Outra solução que ajuda a refrescar é o uso dos telhados verdes (já falei deles aqui). Este sistema propicia um bom isolante térmico, além de contribuir para a beleza do projeto arquitetônico.

E quem gosta de fontes, bicas e chuveirões têm um motivo a mais para colocá-las na casa. É que a umidade delas colabora com os moradores no verão.

casa e jardim2

CHUVEI~1

Outra dica… mantenha portas e janelas dos ambientes sempre abertas. Isso facilita a circulação do ar durante o dia e a perda de calor dos ambientes durante a noite.

ARTE NO JARDIM

Quando algo é feito com amor, o resultado é sempre interessante. Prova disso são os regadores-escultóricos criados pelo empresário Antônio Carlos Laet. Com capacidade para 200 litros, eles ultrapassam os 70 cm de altura (mas podem chegar aos 2 metros)  e ganham desenhos em tons vibrantes.

 “Gosto muito de arte, sou apaixonado por jardins e fã do design de regadores. Resolvi transformá-los em arte depois de visitar uma Cow Parade (exposição de arte pública que exibe esculturas de vacas decoradas por artistas locais) e não parei mais”, conta ele. É durante os fins de semana (quando foge da correria do Rio de Janeiro rumo à calmaria de Itaipava, na Serra Fluminense) que Antônio consegue ter tempo para criar suas obras. Depois, encaminha o desenho para um artesão mineiro que executa o pedido em chapa galvanizada.

Os últimos modelos, Girafa e Vila, foram criados em parceria com os grafiteiros Beto Fame e Guilherme Memi, que fazem parte do coletivo NRVO. “A partir dessa empreitada, comecei a vender as peças para amigos e conhecidos”, diz. Os preços variam de R$ 1.400 a R$ 3 mil.

bracelete-076a-058.5d----r2200

girafa-200a-040d-r3000

quadrado-032a-025l-r-1400

vila-58litros-r1500